Blog Express


As novidades que você precisa saber em primeira mão!

A Vacinação de Adultos

Publicado em 20/06/2017 - 00:00 - Vacina Express

Os brasileiros adultos não se dão conta de que sua cartela de vacinas deve ser atualizada periodicamente e que muitas vacinas não estavam disponíveis há alguns anos, o que leva à necessidade não só dos reforços, mas de atualização das imunizações do adulto com o que há disponível hoje.

A vacinação de adultos tem dois objetivos principais – ambos no sentido de diminuir a mortalidade precoce e a melhoria da qualidade de vida: a eliminação de doenças no país e a proteção individual.

Hoje as doenças infecciosas são percebidas como um agravo a que estão expostos os trabalhadores de diversas atividades, e algumas delas como causadoras de prejuízos socioeconômicos para as empresas – é o caso da gripe, por exemplo.

Esses fatos colocam a vacinação ocupacional como uma necessidade. A produção de vacinas é considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma das intervenções de saúde pública com maior impacto na prevenção de doenças infectocontagiosas e, portanto, na saúde mundial. A outra é o consumo de água potável.

A prática rotineira da vacinação levou à erradicação do vírus da varíola no mundo e à eliminação da poliomielite nas Américas; permitiu, no Brasil, o controle da rubéola congênita, do tétano neonatal, da difteria e do sarampo, e diminuiu drasticamente a incidência de coqueluche, rubéola, caxumba e meningite pelo Haemophilus influenzae do tipo b.

Porém, levantamentos de órgãos internacionais, realizados durante a consulta médica, mostram que cerca de 76% dos pacientes não completam os calendários básicos de imunização, e, destes, apenas 7% recebem a orientação adequada. Essa falha no calendário vacinal de rotina torna necessário, em várias situações, o uso da imunização passiva (administração de anticorpos). É o que frequentemente ocorre nos casos de ferimentos ou de acidentes em hospitais, com material cortante. Situações que demandam procedimentos mais caros, como a administração de soros ou imunoglobulinas antitetânica e anti-hepatite B em caráter de urgência.

Sabemos que a atenção dedicada à informação sobre vacinas é, ainda, muito limitada na formação dos profissionais de saúde. Não é incomum que até mesmo muitos deles não tenham completado seus esquemas vacinais de forma adequada ao melhor exercício do trabalho. Ocorre que os profissionais de saúde têm um grande papel no desenvolvimento de uma mentalidade voltada para as ações preventivas. A avaliação de rotina do histórico vacinal, nos ambulatórios e consultórios, abre a possibilidade de diminuir os custos sociais ocasionados pela ocorrência das doenças que não foram evitadas simplesmente pela desinformação.

Cabe ao médico a responsabilidade de prescrição da vacina para adultos e crianças. E é  obrigação informar ao paciente sobre qualquer recurso disponível para a manutenção da sua saúde.

Fonte: Atualização em Vacinação Ocupacional – SBIN 

A picadinha é certa,
você só precisa escolher qual!

Como funciona o Vacina Express?

Passo 1

Passo 1

Encontre a vacina que você deseja comprar, Achou? Então pronto!

Passo 2

Passo 2

Escolha uma data para efetuar a vacinação...

Passo 3

Passo 3

Aguarde só um poquinho enquanto confirmamos o pagamento...

Passo 4

Passo 4

Prontinho! Agora é só ir na clínica e tomar uma injeção de saúde!